Páginas

quarta-feira, 16 de março de 2011

4º ANO

ATIVIDADES ALFABETIZAÇÃO










































































































































Movimentos da Terra
Observando o céu aqui da Terra, temos a impressão de que as estrelas mudam de lugar. Além disso, achamos que durante o dia elas desaparecem. Engano duplo! As estrelas nunca somem. Acontece que de dia a luz do Sol ilumina o céu e impede que vejamos o brilho delas. Elas também estão sempre na mesma posição, mantendo entre si as mesmas distâncias. O nosso planeta é que se move, provocando a sensação de que as estrelas estão se mexendo.
A Terra está sempre em movimento no espaço. Ela gira em torno de si mesma e em torno do Sol. Esses dois movimentos acontecem ao mesmo tempo.

O movimento de rotação

Rotação é o movimento que a Terra faz quando gira em torno de si mesma. Para dar uma volta completa em torno de si, a Terra leva cerca de 24 horas, ou seja, um dia.
O movimento de rotação da Terra explica a existência dos dias e das noites. De dia, uma parte dos habitantes da Terra recebe luz solar, porque a parte da superfície da Terra onde vivem está virada para o Sol, mas os habitantes da Terra que estão do outro lado não recebem essa luz, então é noite. A Terra vai girando e, em certos lugares, passa a ser noite quando era dia e, noutros lugares, do outro lado da Terra, passa a ser de dia quando era noite. E isto sem nunca parar!

O movimento de translação
Translação é o movimento que a Terra faz quando gira ao redor do Sol. Cada volta completa em torno do Sol leva 365 dias e seis horas, ou seja, um ano.
A Terra gira inclinada ao redor do Sol. Por isso, a luz e o calor do Sol chegam a algumas partes de nosso planeta de modo mais direto do que a outras.
A inclinação da Terra e o movimento de translação dão origem às estações do ano: primavera, verão, outono e inverno.
Os diferentes lugares onde nasce e se põe o Sol ao longo do ano, o diferente aspecto do céu noturno, a sucessão das estações do ano e a diferente duração dos dias e das noites num certo lugar da Terra são, todos eles, explicados pelo movimento de translação da Terra.

O ano bissexto
O tempo que a Terra demora a dar uma volta completa em volta do Sol não é exatamente de 365 dias, mas sim 365 dias e 6 horas, pelo que, de quatro em quatro anos, existe um ano com um dia a mais no calendário, sempre o último de Fevereiro. Esses anos são chamados bissextos. 




Exercícios

1. A Terra realiza dois movimentos. Quais são eles? Explique-os.
2. Observe a representação do planeta Terra e faça o que se pede:











































































































Assinale a alternativa na qual todas as palavras estejam escritas corretamente:
Palavras escritas com ç:
( ) criança – paçado – louça
( ) lingüiça – preguiça – laço
( ) almoço – oço – groço
Palavras escritas com ch:
( ) achar – puchar – chadrez
( ) bolacha – chato – chapéu
( ) mechicano – mochila - chapéu
Palavras escritas com s:
( ) sonho – cansado – masagem
( ) palhaso – sempre – sorrir
( ) super – sucata - subir
Palavras escritas com h:
( ) homem – hovo – higiene
( ) horta – helefante – hino
( ) horário – hora – har


 








Interpretação de texto


Leia a fábula e responda:

A Lebre e a Tartaruga
Certo dia, a lebre desafiou a tartaruga para uma corrida, argumentando que era mais
rápida e que a tartaruga nunca a venceria. A tartaruga começou a treinar enquanto era
observada pela lebre, que se ria dos esforços da tartaruga.
Chegou o dia da corrida. A lebre e a tartaruga posicionaram-se e, após o sinal,
partiram. A tartaruga estava correndo o mais rapidamente que conseguia, mas foi
ultrapassada pela lebre que, visto já estar a uma longa distância da sua concorrente, se deitou
a dormir.

Enquanto a lebre dormia, não se dava conta que a tartaruga ia se aproximando mais

rapidamente da linha de chegada. Quando acordou, a lebre, horrorizada, viu que a tartaruga

estava muito perto da linha de chegada. Assim, a lebre começou a correr o mais depressa

que pode, tentando a todo o custo ultrapassar a tartaruga. Não conseguiu.

Após a vitória da tartaruga, todos foram festejar com ela, e ninguém falou com a lebre.

 Moral da  história .Quanto mais devagar estamos,mais rápido chegamos.


1- O narrador do texto é alguém que conta a história de outra pessoa ou é narrado
personagem? Como você descobriu isso?


2- O que você entendeu dessa história?

3- Qual foi a surpresa no final da história?

4- Leia e responda:
        
“Quem ri por último ri melhor”

a) O que você entende por essa frase? Ela tem alguma relação com o texto?

5- Agora é sua vez! Imagine ou invente algo que aconteceu com voce e no fim voce deu a volta por cima. Escreva como foi essa aventura. Lembre-se do título, dos parágrafos, pontuações, letra
legível e coerência.

____________________________________ 

atividades 4ª série



















[32.jpg]









































































































































Nenhum comentário:

Postar um comentário